AromasDani

AromasDani

quinta-feira, 11 de junho de 2020

Minha quarentena e os perfumes



2020 será lembrado neste século como o ano em que o mundo parou. Aqui no Brasil, desde o mês de março deste ano, nossas vidas se transformaram em uma nova realidade, modificando completamente nosso comportamento em relação a vários aspectos de nossa rotina.

Nós brasileiros, acostumados com o contato pessoal, confraternizações em família, reuniões entre amigos, passeios em lugares públicos, liberdade de ir e vir, tivemos que encarar o distanciamento/isolamento social como uma nova prática, sem data e hora para acabar. Os hábitos de higiene ficaram mais rigorosos:  lavar as mãos, lavar as mãos e quando não saber o que fazer LAVAR AS MÃOS NOVAMENTE foram as recomendações que ouvimos incessantemente através de todos os meios de comunicação.

O álcool em gel que nos últimos anos ficava escondido lá no cantinho da prateleira dos supermercados e farmácias, do dia pra noite passou a custar “os olhos da cara”, devido a grande procura como uma das armas de combate ao COVID-2019. E a máscara? Sim, ela passou a fazer parte do nosso look do dia, escondendo aquilo que o brasileiro mais gosta de fazer: a espontaneidade de um sorriso aberto. Estampas criativas tentavam resgatar a alegria da nossa expressão facial e muitos artesões tiveram como alternativa de sobrevivência a produção das requisitadas máscaras de tecido as quais, tudo indica, vieram para ficar.

FIQUE EM CASA, talvez se tornou o mantra mais repetido nesses últimos meses, carregado de incertezas, tristezas e medos.

E como ficaram nossos amados perfumes dentro deste cenário? Antes mesmo da PANDEMIA, as perfumarias estabelecidas em lojas físicas já passavam por muitas dificuldades e quedas nas vendas. Esses estabelecimentos passaram a receber frequentemente visitas de pessoas que queriam somente “conhecer” ou “provar” fragrâncias. Caso gostassem da experiência, ao invés de concluir a compra na própria loja onde recebeu a consultoria, rapidamente pesquisavam o melhor preço na internet para sua aquisição.

Sim, essa é a realidade dos novos tempos e durante esse período de quarentena isso se evidenciou, pois a maioria das lojas virtuais tiveram um crescimento fenomenal nas vendas. Se não bastasse a concorrência do e-commerce que já se apontava antes mesmo deste período, com os decretos municipais de fechamento do comércio tradicional na maioria das cidades brasileiras, o consumidor não teve outra alternativa a não ser comprar pela internet ou por delivery, sem ter a oportunidade de provar, experimentar. Ou seja, como nossos amigos influenciadores perfumísticos costumam dizer “dar um blind” ou “comprar às cegas” passou a ser comum para muitas pessoas que se dispuseram a investir em um perfume.

Obviamente que os perfumes se tornaram extremamente supérfluos em um período onde a prioridade de compra foram os itens essenciais de sobrevivência da família (alimentação, higiene, limpeza). Eu mesmo me coloco nessa situação e nas primeiras semanas de quarentena, não estava muito animada para usar perfumes não. Guardei todas minhas fragrâncias importadas em um espaço mais reservado e tirei proveito das águas de colônia baratinhas tais como JOHNSON’S BABY, as colônias refrescantes AQUAVIBE da AVON, GIOVANNA BABY, enfim aquelas que me traziam uma sensação de conforto, aconchego e abraço, fazendo com que eu entrasse em contato com o meu verdadeiro “eu”.

Passei a me aprofundar no estudo da AROMATERAPIA e experimentei várias combinações de ÓLEOS ESSENCIAIS para criar meu próprio spray pessoal antisséptico. Presenteei algumas pessoas da família e conhecidos e, pra minha surpresa, muitos amaram. Hoje eles fazem parte do meu dia a dia e, através do seu efeito terapêutico, me trazem paz de espírito em momentos de ansiedade.

Uma outra curiosidade que observei nesse período foi o reconhecimento por parte de muitas pessoas da importância das consultoras de beleza “porta a porta” através das vendas por catálogo (AVON, NATURA, JEQUITI, BOTICÁRIO, EUDORA, ABELHA RAINHA, entrou outros). Eu já comentei aqui no blog e no YouTube algumas vezes que minha mãe é consultora de beleza há quase 50 anos. Durante esse período de pandemia, por estar em casa em HomeOffice pude perceber o quanto se tornou fundamental o papel dos consultores de beleza. Além da possibilidade de vender o estoque a pronta entrega para aqueles que não tinham alternativa de buscar na loja, ou não queriam esperar pelo prazo de entrega do e-commerce, muitas pessoas encomendavam seus objetos de desejo pelo catálogo. Era como se pudessem resgatar nesse momento um pouquinho da normalidade da vida. E sim, os consultores cumpriram seu nobre papel de fazer chegar beleza, alegria e auto-estima na casa dos consumidores e aqui deixo o meu agradecimento a todas eles por esse trabalho tão nobre.

Por fim, o que mais me deixou triste nessa quarentena é que em virtude de todos os medos, comprometemos muito a nossa liberdade de respirar livremente. No geral, a maioria das pessoas não respira direito. Exercícios de Yoga e práticas meditativas costumam nos orientar para desenvolver melhor nossa capacidade respiratória, mas mesmo assim é um processo difícil quando você tem anos e anos de hábitos errados. A necessidade de usar a máscara em qualquer ambiente público trouxe para algumas pessoas a sensação de aprisionamento. E quando não respiramos corretamente, a ansiedade aparece com mais força. Isso realmente é um problema. Por isso, sempre que chego em casa depois de ter ficado horas e horas de máscara em um ambiente público, depois do ritual de higiene sempre dou uma paradinha aqui no meu Jardim e usufruo do ar puro do meu espaço,


As vezes pego algumas folhinhas, esfrego entre as mãos, inspiro e sinto o aroma natural e abençoado. Como é bom respirar livremente.
Bom, esse foi o resumo desses últimos meses de quarentena. Eu desejo profundamente que nós, seres humanos possamos tirar proveito de algumas experiências, reconhecer as prioridades da nossa existência e aprender a conviver melhor uns com os outros.

E que em breve possamos sair por aí, de peito aberto, inspirando e expirando sem medo de ser feliz.






Um comentário:

  1. Sentindo falta dos vídeos no Youtube vim dar uma olhada no blog e vi que você atualizou(que bom!),também não tive vontade de usar perfume nesses dias e só tenho usado o meu Mamãe e Bebê da Natura que acho bem aconchegante e me dá uma acalmada.
    Tudo de bom para você, bjs!

    ResponderExcluir