AromasDani

AromasDani

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

ABSINTO da Água de Cheiro - Assustadoramente marcante!



..."Eu queria tanto encontrar
Uma pessoa como eu
A quem eu possa confessar
Alguma coisa sobre mim
Quando acontece um grande amor
Assim como você e eu
O tempo passa por nós dois
Não lembro o que aconteceu"...
Trecho da música "EU" da banda PATO FU", para o clima de Halloween (clique aqui para assistir o vídeo no Youtube)







Quem quiser saber curiosidades divertidas sobre a bebida Absinto, 
sugiro um vídeo do canal Miolos Fritos (clique aqui para assistir o vídeo no Youtube)

Halloween (ou se preferir Dia das Bruxas) já se tornou obrigatório no calendário 
promocional de várias empresas, dos mais diversos segmentos.

Aproveitando todo esse clima dramático e assustador que a data contempla, hoje
vou falar de um perfume que foi lançado no mercado há muitos anos (também
na minha adolescëncia) e que para mim apresenta total identidade com o Dia das
Bruxas: ABSINTO da ÁGUA DE CHEIRO.

Quando esse perfume foi lançado em 1987, a comunicação da marca ressaltava
que era uma fragrância irresistível e que era proibido para menores. A campanha
causou um grande impacto junto ao público adolescente e na época eu me 
questionava: 

- Nossa, mas que perfume é esse e que sensação poderá provocar para 
que tenha essa proibição? 

Não sei como (nem me lembro pra ser sincera quem comprou para mim), 
mas acabei comprando o perfume somente pela curiosidade.

Lembro-me bem que, quando finalmente o provei, senti uma certa decepção. 
Esperava mais dele. Para mim, era um perfume muito forte e muito doce, só isso. 

Essa era a minha percepção na época, especialmente porque costumava usar 
colônias e lavandas leves como Thaty (Boticário), Acqua Fresca (Boticário), 
Musc (Natura) e Giovanna Baby (Giovanna Baby).

Foi a minha primeira experiência com perfumes fortes. Eu o usei em algumas 
ocasiões e confesso que no inverno ele me causava boa sensação. Mas no verão,
nem pensar. Era intragável (assim como dizem sobre a bebida do mesmo nome).

Quase trinta anos se passaram e recentemente decidi comprar o ABSINTO da
ÁGUA DE CHEIRO novamente. Não sei se sou eu quem mudou, ou se a marca
alterou sua formulação, mas ele não é mais tão forte ou tão doce como naquela
época. Tem uma fixação mediana, mais suave, menos agressivo, mas com a 
mesma atmosfera dramática e vampiresca de sua origem. 

Eu diria que seria uma nova geração de Absinto, menos envenenado. Boa dica 
para as "formigas atômicas" que gostam de perfumes doces e marcantes. 
Ótima opção para dias frios, chuvosos, nublados. Perfeito para comemorar 
o Halloween, rs. Porém, na minha opinião, quem tentar usá-lo em um dia 
muito quente, sem dúvida se tornará apavorante!

E em homenagem a essa data de muitas travessuras e gostosuras, convoco 
minha querida amiguinha Monster High Draculaura para acompanhar 
as fotos do meu Absinto (nova geração):





Absinto Woman – As notas frutais e especiadas dão a esta fragrância um aspecto misterioso e sensual, quase proibida.  É a marca registrada das mulheres sedutoras e de personalidade forte.

PIRÂMIDE OLFATIVA

Nota de Saída : Rosa, Tuberosa, Ylang-Ylang
Nota de Corpo : Rosa, Íris
Nota de Fundo : Baunilha, Sândalo, Âmbar
Perfumista : Magali Lara (Symrise)



Uma ótima semana a todos, Feliz Dia das Bruxas, fiquem com Deus e 

Um cheiro misterioso para vocês




3 comentários:

  1. Conseguiu um, Dani!! Olha, eu nunca tive um Absinto. Fui correndo comprar um no ano passado quando saiu a notícia de que a Água de Cheiro estava em franca decadência e que iria fechar as portas. Não, eu não poderia ficar sem um perfume desses, ícone dos anos 80. Eu o acho maravilhoso.
    Foi feito na onda do Poison, né? Assim como o Goldie, do Boticário, que era o que eu usava.Ambas, na época, empresas concorrentes, lançaram suas versões do Poison e a diferença foi que a Água de Cheiro o manteve lindamente no mercado.
    Deve realmente ter sido "acalmado" como quase todo perfume da época, como os Boticários foram, como o Giovanna Baby rosa foi ( essa bomba era das mais fortes). O bom é que o aroma não mudou, apenas foi apaziguado. Não é novidade que minha predileção é pelos perfumes intensos, então, eu o venero.
    Outro nacional que imita o Poison e que continuou no mercado por um bom tempo foi o Cúmplice da L´acqua di Fiori, outra delícia que acho que saiu do mercado.
    Também recordo dessa polêmica toda em relação ao lançamento do tal perfume "proibido para menores". Da Água de Cheiro, porém, eu optava sempre pelo Obelisk ( cópia maravilhosa do Eternity). Sempre tinha um, ainda tenho.
    A bebida absinto é um capítulo à parte. Também gosto de ter bebidas variadas e absinto nunca falta. Aqui em casa sempre rola o Pere Kermanns ( espia depois o rótulo sinistro kkkk). Tô faz tempo atrás de uma colherinha específica para a bebida. Tem uma mais linda que a outra no ebay.
    Bjuss

    PS: adoro Pato Fu.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí Lily Loon Rock and Roll! Absinto marcou época, como vários outros. Olha, se você quiser ainda o Absinto, tem na loja Agua de Cheiro do Shopping Central Plaza. Foi lá que comprei o meu há uns dois meses. Quanto à bebida, confesso que nunca provei. Sou muito fraca para esse tipo de experiência. Até bombom de licor me deixa grogue, rsrsrsrs. Beijao!

      Excluir
  2. ainda tenho um desses, guardado a sete chaves...rs. querendo muito um cumplicce, da l'acqua di fiori. sera tao potente qto o absinto/

    ResponderExcluir